Concurso Governo do DF METRO Abre 232 Vagas Diversos Cargos

Concurso Governo do DF vai abrir inscrições

Foi publicado no Diário Oficial do Distrito Federal a autorização para a abertura do Concurso Governo DF que vai oferecer 232 vagas para a Companhia Metropolitana do Distrito Federal (Metrô-DF).
Ainda não há informações sobre os cargos que serão contratados por meio deste processo seletivo, tão pouco o nível escolar que os candidatos precisarão ter para poder participar.
Mas está informações sobre a autorização serve para que você já possa começar a se preparar para poder fazer a inscrição dentro do prazo e já começar a definir sua rotina de estudo para poder se classificar.
Ao autorizar a divulgação do concurso, o governo do DF está assumindo que o processo de seleção será realizado e que há verba tanto para esta contratação como para honrar os salários dos novos funcionários.

Último processo seletivo do Metrô DF

O último concurso aberto pelo Metrô DF aconteceu em 2009 e oferecia mais de 700 vagas. A grande maioria delas era para a formação de cadastro reserva e as demais para início imediato.
Nesse concurso havia vagas para todos os níveis de escolaridade, quem tinha apenas o nível fundamental pode se inscrever para os cargos de motorista, telefonista, agente de segurança operacional e agente de estação. Para níveis escolares maiores as vagas eram para piloto, médico do trabalho, engenheiro de telecomunicações, engenheiro mecânico, engenheiro eletrotécnico, engenheiro de segurança do trabalho, engenheiro civil, arquiteto e advogado.
Pode ser que as vagas que serão abertas para o concurso de 2013 sejam nestas mesmas áreas, mais ainda é cedo para definir. Para termos certeza será preciso aguarda o edital oficial com as informações sobre este concurso.
Neste concurso que já

Cadastro Reserva

O que já foi adiantado é que algumas das 232 vagas poderão ser para a formação de cadastro reserva. Para quem não sabe este tipo de vaga significa que os classificados terão um período pré determinado pelo Metrô DF para serem chamados para ocupar o cargo.
A formação de cadastro reserva não emprega o trabalhador no ato, apenas as vagas imediatas. O contrato que é firmado define a quantidade de meses que o profissional poderá aguarda a convocação, podendo este período ser ou não renovado.
Veja este detalhe antes de se inscrever, pois quem almeja o funcionarismo público com certa urgência poderá ter que aguardar por até dois anos em média para começar a trabalhar.



Deixe um Comentário: